No Rio: “O Quebra-Nozes”: clássico natalino terá cinco apresentações

Um dos balés mais populares do mundo, o clássico natalino O Quebra-Nozes chega neste fim de ano ao palco do Teatro Oi Casa Grande, no Rio de Janeiro, para cinco apresentações, entre os dias 8 e 10 de dezembro. Nos papéis principais para a temporada 2017, estarão as bailarinas Ana Flávia Alvim e Danielle Marinho, como Clara, os bailarinos Breno Lucena e Diovani Cabral, como Quebra-Nozes e ainda como convidada Luciana Davi (São Paulo Cia de Dança) e Mel Oliveira (Primeira Solista do TMRJ) como A Fada Açucarada e Rainha das Neves, Mozart Mizuyama (São Paulo Cia de Dança) e Alyson Trindade (Primeiro Solista da CBB) como Príncipe e Rei das Naves. A direção e concepção coreográfica é de Jorge Texeira.

A enorme popularidade de O Quebra-Nozes comprova o fascínio exercido nas plateias a partir do encontro do conto de Alexandre Dumas com a música de Tchaikovsky e a coreografia original de Marius Petipá e Lev Ivanov. Sua estreia foi em 1892, na Rússia. A primeira apresentação no ocidente só aconteceu em 1934, no Sadler’s Wells Theatre, em Londres. Desde então, tornou-se um dos balés mais montados em todo o mundo.

Apresentado pela Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro e Secretaria Municipal de Cultura, o espetáculo tem o patrocínio da Rio Prefeitura – Cultura, Accenture e Windsor Hotéis, apoio de O Globo e realização da Dell’Arte Soluções Culturais.

Sinopse

A ação se passa em Nuremberga, Europa Oriental, no princípio do século XIX. Narra-se a história de Drosselmeyer, um velho e misterioso fabricante de relógios e brinquedos mecânicos. Quando trabalhava no Palácio Real, Drosselmeyer inventou uma armadilha que matou metade dos ratos. Para se vingar, o maldoso Rei dos Ratos resolveu raptar o sobrinho de Drosselmeyer e o enfeitiçou com uma maldição, de modo que seu tio não mais o reconhecesse, fazendo com que o menino se transformasse num feio boneco Quebra-Nozes nas noites de Natal. Para que Drosselmeyer volte a reconhecer seu sobrinho, é preciso quebrar o feitiço. A única maneira de Quebra-Nozes desfazer a maldade do Rei dos Ratos é matá-lo e, mesmo com uma aparência ruim, conseguir ser amado por uma bela jovem.

É véspera de Natal. O médico e prefeito da cidade Jans Stahlbaum e sua esposa, imbuídos do espírito de Natal, se prontificam a oferecer, todo fim de ano, uma linda festa para seus parentes, amigos e crianças do orfanato Frone Kinder. A nobre e tradicional celebração é esperada com ansiedade pelos filhos do casal, Clara, Fritz e Louise, já que nesta noite eles têm a oportunidade de conhecer outras crianças e fazer novos amigos. Para Clara, este será um Natal ainda mais especial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *