Exposição Alusiva aos 200 anos do Teatro Arthur Azevedo inicia no dia 08

Da arte de Apolônia Pinto à sensibilidade de Arthur Azevedo, Exposição Alusiva aos 200 anos do Teatro Arthur Azevedo encantará ao público a partir do dia 08 de dezembro, às 20h, nas dependências da casa de espetáculos.

Durante um pouco mais de um ano a curadora da exposição, Carolina Ramos, e os pesquisadores Anderson Oliveira e Ângela Pereira mapearam a história do teatro mais importante do Maranhão, o Teatro Arthur Azevedo. Como parte da pesquisa os envolvidos fizeram uma breve viagem à cidade do Rio de Janeiro no primeiro semestre deste ano e visitaram a Biblioteca Nacional em busca de mais informações sobre as personalidades que participaram da história do TAA. O resultado dessa viagem e dos meses de busca será lançado no dia 08 de dezembro na reabertura do Teatro Arthur Azevedo.

Na noite de lançamento da Exposição somente convidados poderão visita-la, e em seguida assistir ao espetáculo João do Vale – O Musical. E a partir do dia 09 de dezembro a mostra ficará aberta ao público.

A mostra ocupará diversos espaços dentro do teatro passando pelo Foyer, Salão Nobre, fosso e outros cômodos.

O público terá acesso ao acervo de gravuras do grande escritor e dramaturgo Arthur Azevedo. Também serão expostos livros e objetos que fizeram parte da vida do maranhense.

E não poderia faltar a homenagem à grande musa do teatro maranhense: Apolônia Pinto. Nascida em 1854, no camarim nº 1 do teatro, a atriz encantou o público da época e até hoje é mencionada como uma das maiores, senão a maior atriz do Brasil. Apolônia receberá homenagem dentro do camarim em que nasceu, com exposição de livros, objetos e peças da atriz.

A exposição também contará com recursos tecnológicos como notebooks para ajudar o público à entender melhor a história da casa de espetáculos.

Por fim, será realizado o lançamento do livro alusivo ao bicentenário da casa. A obra possui exatas 200 páginas, com textos assinados por ex-gestores, antigos funcionários, personalidades, autoridades, artistas e outros. Entre os grandes nomes que fizeram parte da edição do livro estão: o diretor do TAA,, Celso Brandão e a ex-diretora Nerine Lobão.

Para mais informações sobre visitações a Exposição Alusiva aos 200 anos do TAA, acesse o site do teatro (cultura.ma;gov.br/taa) ou ligue 32189901.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *