A mudança de local da Caravana Lula Pelo Brasil foi estratégica. Depois do fiasco da passagem de Lula por Timon, o mesmo pode acontecer na capital do Maranhão. A Maria Aragão é uma arena ampla que não é cercada por prédios, uma foto para indicar uma multidão por lá teria que:

Ou ter uma multidão ou um Photoshop na mão. Para não encerrar a Caravana de forma vexaminosa, a organização da passagem de Lula pro São Luís decidiu tirar seu palco da Maria Aragão e levar para a praça Dom Pedro II. O comício eleitoral acontece amanhã.

À esquerda a praça Dom Pedro II; do lado oposto a praça Maria Aragão.

Sai Michel Temer, assume Maia. Fábio Ramalho pega carona com Temer. Assume André Fufuca. Em seguida a pauta da reforma política sai de cena e a imprensa nacional começa a discutir o sobrenome do jovem André.

As notícias o desqualificam da função interina de presidente da Câmara. O jovem maranhense de bochechas rosadas não tem capacidade conduzir os trabalhos Câmara Federal.

Distritão, distrital, distritão misto, distrital misto e fundo partidário vai ficar para a próxima. Fica tudo do jeito que está e segue o jogo.

Na edição desta quarta-feira, 30 de agosto, o Jornal Nacional de William Bonner já admite o que pareceu óbvio desde o inicio. A reforma política não deve passar.

Tudo diferentemente igual ao que sempre foi. Bem vindo à selva e salvem-se quem puder nas eleições de 2018.

E o maranhense André Fufuca (PP-MA) pode adicionar na sua biografia política que por 9 dias foi presidente da Câmara Federal. E mais… serviu de bode expiatório.