Com mais de 51 mil seguidores no Instagram, Elbo Bayma, ficou conhecido por aparecer ao lado de mulheres nuas e semi-nuas na rede social.

Auto-entitulado empresário, Elbo, começou a ser investigado pela Polícia Cívil pelo crime de rufianismo (modalidade que objetiva o lucro através da exploração de prostituição) em um condomínio de classe média no Barramar/Calhau.

Bayma foi detido na manhã de terça-feira (29), por policiais da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic), em casa. No local ainda tinha uma garota de 19 anos, que em depoimento, confirmou a prática de prostituição. Ela foi ouvida e liberada.

Após pagar fiança o ”empresário sexual” foi liberado e correu para o Instagram para comemorar sua liberdade.

Boa Noitte

A post shared by Elbo Bayma Ofc (@elbobayma_) on

O que chamou atenção foi a euforia de seus seguidores. “Mitoo sou seu fã já”, disse um. “kkkk terça-feira dentro do padrão”, afirmou outro. “O rei da putaria tá solto !??” brincou outro.  Foram centenas de comentários comemorando a soltura do cafetão do Instagram.

 

Outras duas mulheres foram presas acusadas de furtos no show

O suspeito Lucelmo Farias Gomes foi preso pela Policia Militar ainda na madrugada deste domingo. Lucelmo é acusado de participar do assassinato de um segurança da festa Garota White São Luís (no Hotel Pestana) (leia aqui) que tinha como estrela principal o cantor Wesley Safadão.

A PM informa que Lucelmo estava no mesmo veículo com o autor do disparo e já possuía um mandado de prisão em aberto.  Ele já foi preso, cumpria pena no regime semiaberto, monitorado por tornozeleira eletrônica, mas teria rompido o aparelho.

Outras duas mulheres também foram conduzidas a delegacia. Elas teriam envolvimento em assaltos durante a realização do evento.

Às 02:46 – A noite podia ser só de alegria, mas não foi o que aconteceu no Garota White São Luís que começou na noite de ontem, 26 de agosto, no Hotel Pestana. Segundo informações, um segurança morreu já na madrugada deste domingo, 27, durante o show do Wesley Safadão no evento Garota White que ainda contou com a presença de Rafa e Pipo Marques e do grupo eletrônico A Liga.

O segurança, ainda não identificado, teria agido para evitar furtos no show quando foi alvejado por tiros. Conforme noticiou o blog do Gilberto Léda, os autores seriam supostos comparsas dos ladrões. O segurança foi socorrido, porém infelizmente chegou sem vida no hospital.