Iniciam nesta segunda-feira (28) as inscrições para a XII Semana do Teatro no Maranhão. Para participar do processo seletivo os interessados devem acessar o site do Teatro Arthur Azevedo (www.cultura.ma.gov.br/taa) e preencher o formulário de inscrição até às 23h59 do dia 28 de setembro.

A XII Semana do Teatro no Maranhão é uma realização da Secretária de Estado da Cultura e Turismo por meio do Teatro Arthur Azevedo. O evento ocorrerá entre os dias 27 de novembro a 03 de dezembro. Poderão participar da seleção: coletivos culturais, companhias, grupos e produtores culturais.

Nesta edição o evento apresentará duas novidades ao público: a Mostra Especial Josué Montello em homenagem ao centenário do escritor e a Mostra Competitiva de Arte de Rua.

MOSTRA JOSUÉ MONTELLO

A intenção da Mostra Josué Montello é homenagear o jornalista, escritor, professor e cronista Josué Montello relembrando suas obras e contribuição para a cultura e literatura brasileira.

Para participar os interessados devem se inscrever em umas das três categorias: cena curta, performance ou intervenção abordando uma das obras do escritor. Para essa amostra serão selecionadas sete propostas.

MOSTRA ARTE DE RUA

Outra novidade é a Mostra Arte de Rua que incentiva a participação de artista de rua durante a XI Semana do Teatro no Maranhão. A intenção é movimentar espaços públicos como praças e ruas do Centro Histórico. Vale lembrar que esta mostra terá caráter competitivo e os vencedores serão escolhidos por voto popular.

O público escolherá os três melhores espetáculos para receber as premiações de 1º, 2º e 3º lugar, premiados com os valores de R$ 1.500,00, R$ 1.000,00 e R$ 500,00, respectivamente.

ESPETÁCULOS FORA DA MOSTRA ESPECIAL.

Os espetáculos que não se enquadram nessas duas Mostras Especiais também podem se inscrever. As regras são as mesmas do ano passado, entretanto espetáculos que já tenham participado de edições anteriores não poderão se inscrever este ano. Mais informações podem ser encontradas no edital disponível no site do Teatro Arthur Azevedo.

HOMENAGEADA

A homenageada deste ano da XII Semana do Teatro no Maranhão é a professora, atriz e coordenadora do Grupo Universitário de Teatro, Ana Teresa Rabelo, a famosa Estrelinha. Estrelinha iniciou no teatro quando tinha 23 anos de idade e desde então não parou mais. No seu currículo estão participações em filmes e espetáculos, além de publicações de livros.

TEMPORADA EM OUTRAS CIDADES

Após a temporada na capital maranhense, as companhias de teatro farão exibição dos espetáculos e oficinas em outras cidades do Maranhão no período de 08 a 10 de dezembro.

Com contribuição da assessoria

O amor entre uma jovem e um padre parece algo proibido e complicado, e quando ocorre durante o período da Santa Inquisição, a situação torna-se bem mais difícil. Este é o pano de fundo de “Um Amor de Renúncia”, espetáculo teatral com texto adaptado por Alberto Centurião baseado no romance “Renúncia” de Chico Xavier. A peça terá apresentação em São Luís-MA, nos dias 26 e 27 de agosto às 21h e 19h, respectivamente, no Teatro Zenira Fiquene (Pitágoras/FAMA).

A montagem tem a direção de Lucienne Cunha e a trilha sonora assinada por Markinhos Moura. “Renúncia” é um romance monumental, que narra a saga familiar de Madalena Vilamil e sua filha Alcíone, ao longo de quatro décadas. A presente adaptação “Um Amor de Renúncia” faz um recorte neste painel para contar a história do amor impossível de Alcíone e Padre Carlos. Amor impossível, porém invencível. Impossível não por barreiras sociais de qualquer espécie, mas porque um abismo vibracional separa os dois enamorados.

O espetáculo “Um Amor de Renúncia” é uma realização da Rama Kriya Produções, em São Luís conta com a produção de Moraes Junior.

Plateia:

R$ 30,00 (Meia Entrada*)

R$ 60,00 (Inteira)
Livraria Leitura Shopping da Ilha, sem taxa de serviço e somente no dinheiro

VENDAS ONLINE: www.bilheteriarapida.com (Ingressos adquiridos pela internet estão sujeitos à taxa de administração do site) aceita débito e crédito
Gênero: Drama.
Duração: 75 minutos.
Classificação: LIVRE

 

Mais uma novidade será lançada na XI Semana Maranhense de Dança que acontecerá do dia 30 de outubro a 05 de novembro: A Batalha de Danças Urbanas Negro Cosme (Batalha de Cosme).

Pela primeira vez uma programação como essa será promovida dentro da Semana Maranhense de Dança e contemplará dançarinos, grupos e companhias de dança de rua. Esse estilo de dança é caracterizado por movimentos produzidos dentro da ambiência urbana.

Como o próprio nome diz, a batalha será uma competição entre dançarinos e ao final serão premiados os três melhores segundo o júri técnico. A escolha dos jurados é de responsabilidade da organização da XI Semana Maranhense de Dança e os nomes serão divulgados dias antes do evento.

As inscrições para a batalha iniciam-se nesta segunda-feira (28) no site do Teatro Arthur Azevedo (cultura.ma.gov.br/taa) e encerram no dia 14 de setembro. Podem se inscrever dançarinos que participem ou não de grupos e companhias de danças de rua.

A seleção dos dançarinos ocorrerá em duas etapas classificatória, em que serão selecionados 16 dançarinos numa audição presencial, e eliminatória que é a própria batalha na Praça Nauro Machado. Os critérios de avaliação serão: musicalidade, técnica e corporeidade, originalidade dos movimentos e atitudes.

A batalha acontecerá em duplas, 1×1: cada dançarino terá um minuto para demonstrar ao público sua dança e passar pela avaliação do júri. Os confrontos serão eliminatórios e passaram pelas seguintes fases: oitavas de final, quartas de final, semifinal e final.

Os três dançarinos que tiverem melhor desempenho receberão as premiações de 1º, 2º e 3º lugar nos valores de R$ 1.500,00, R$ 1.000,00 e R$ 500,00. Além da premiação em dinheiro os premiados também receberão o troféu Ana Duarte. Troféu este que a partir desta edição será oficializado como o troféu oficial da Semana Maranhense de Dança.

Ana Duarte foi uma bailarina de dança popular do Maranhão e participou ativamente de atividades de cultura popular enquanto viva. Foi vitima de latrocínio em março do ano passado. O troféu é uma homenagem a bailarina.

Para mais informações sobre o regulamento e inscrições acesse o site do Teatro Arthur Azevedo (cultura.ma.gov.br/taa) ou telefone para 32189900.

O Teatro Imparcial tem sido um palco alternativo para peças. Depois da acertada pauta permanente de a “Quinta do Riso”, agora outra peça está em cartaz no Teatro Imparcial, no Renascença II, ao lado do Hipermercado Mateus.

A comédia “A fofoqueira” conta com a irreverência da simpática senhorinha Dilurdes, que controla a vida de seus vizinhos do alto de sua janela. A comédia entre em cartaz este sábado, 5, a partir das 20h, no Teatro Imparcial, no Renascença II.

A peça acontece este sábado, 5, a partir das 20h, no Teatro O Imparcial, no Renascença II.

A peça aborda com humor o dia a dia de Dilurdes que vive situações cotidianas como as dificuldades de pegar um ônibus, a engraçada ida ao salão de beleza, ou um atrapalhado atendimento feito por uma operadora de telefonia. O ator Beto Moreno vive a personagem, segundo ele, inspirada em suas tias e no cotidiano das pessoas idosas.

“O espetáculo toca em temas reflexivos como a solidão na terceira idade e ao mesmo tempo diverte o público com o carisma da Dilurdes. Muitas pessoas se identificam com as situações vividas por ela”, ressalta Beto Moreno

O ator explica ainda que a personagem já fazia parte do espetáculo “Ox Exculaxados”, que esteve em cartaz de 2007 a 2013, com a direção do saudoso humorista Chico Anysio.

Os ingressos custam R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia), e estão sendo vendidos na recepção do Jornal O Imparcial. Mais informações: (98) 99112-0205.